15 de julho de 2018

REVELADO INTÉRPRETE DA 2ª ABERTURA DRAGON BALL SUPER




                                                             Foto : Nerdtrip





A segunda abertura de Dragon Ball Super acaba de ter o intérprete da versão dublada em português recentemente revelado, será o conhecido cantor Rodrigo Rossi, que deu a notícia durante uma live em seu canal no YouTube.
A nova música vigora a partir do episódio 77, intitulada Limit Break X Survivor, com colaboração do Projeto Remake para a letra e adaptada por Wendel Bezerra.
Dragon Ball Super é exibido diariamente pelo Cartoon Network. Quanto aos novos episódios, estes ainda não possuem previsão de estreia.
 
 










Fonte : http://4kids.yyo.us/

Astro da final da Copa do Mundo, Will Smith compara seleção brasileira aos seus próprios filmes: “Não é nenhum MIB – Homens de Preto”




                                     Foto : Sagresonline


Foram quatro semanas de muito futebol em campo e festa fora dele, seja nas arquibancadas ou nas 11 cidades-sede da Copa do Mundo 2018. Mas a maior delas está reservada para domingo, 15 de julho de 2018, não só após a partida, quando franceses ou croatas comemorarão o título, mas antes dela, quando 70 mil pessoas, in loco, e 1 bilhão espalhadas pelo mundo assistirão ao encerramento do mundial. 

Meia hora antes de os dois finalistas entrarem em campo, no Estádio Luzhniki, em Moscou, grandes nomes da música internacional subirão ao palco, entre eles, Will Smith, Nicky Jam e Era Istrefi, para interpretar Live it Up, a música oficial da Copa do Mundo da FIFA Russia 2018™.



Artista reconhecido mundialmente, o músico, ator e produtor – musical e cinematográfico -, Will Smith deu pitacos sobre a Copa do Mundo em geral e a Seleção Brasileira, a preferida do astro americano. 

Eu passei muito tempo no Brasil, eu amo a Seleção Brasileira. Tenho uma relação interessante com Neymar. Estivemos na mesma cidade e tentamos nos encontrar umas 10 vezes. Trocamos mensagens. Ele é um dos meus preferidos. Eu tenho um espaço no meu coração para a Seleção Brasileira, disse Will Smith, que, como ator, também falou sobre as atuações – performáticas – do camisa 10 do Brasil. 

“Acho que ele fez um ótimo trabalho. Ele é o cara! Atores, às vezes, estão em uma situação de felicidade, e às vezes, de tristeza. Quando você atua em nível global, terá dias bons e ruins, acrescentou. 

Will Smith ainda foi desafiado pela Rádio Sagres 730 a comparar a participação da Seleção Brasileira a um de seus filmes. 

Meu Deus! Não sei nem por onde começar. Não tenho a menor ideia de qual dos meus filmes (representaria a participação do Brasil). Foi, provavelmente, no nível de atuação de Eu, Robô. Foi bom, foi ok, mas não foi um MIB – Homens de Preto” (um dos grandes sucessos de Will Smith como ator), nem um As loucas aventuras de James West” (filme que recebeu muitas críticas). Está ali, em algum lugar, no meio desses dois filmes, disse, aos risos, o ator americano.

Comentarista de cinema da rádio 730, no quadro Cinemateca Sagres, João Paulo Lopes Tito analisou a analogia do ator entre os filmes e a Seleção Brasileira.MIB – Homens de Preto é um filme de 1997 que arrecadou mais de US$ 500 milhões em todo o mundo e rendeu mais duas continuações de muito sucesso. Foi um golaço na carreira dele. Já o Eu, Robô foi alimentado por uma expectativa prévia muito alta. O Will era um dos principais atores de ação de Hollywood na época. Foi bom, mas decepcionou justamente porque não correspondeu a essa expectativa. Tem bastante a ver com a performance da Seleção Brasileira. Todos esperavam muito, pelos resultados prévios que o Tite alcançou, e ao longo da Copa do Mundo todos foram se frustrando. Por fim, As loucas aventuras de James West, que é considerado o pior filme da carreira dele, tanto pelo público quanto pela crítica. Seria o 7 a 1 do Will, concluiu. 

Avaliar positiva e negativamente as próprias performances, em paralelo com a atuação da Seleção Brasileira na Copa do Mundo, foi apenas uma das várias mostras de bom humor de Will Smith. Toda a entrevista foi em tom bastante descontraído. Desde que chegou à sala de imprensa, o astro brincou com os jornalistas presentes, instigando-os a gritar o nome de seus respectivos países – com uma energia extra para repetir o nome do Brasil. 

Essa harmonia, essa unidade… isso é Copa do Mundo!, vibrou Will Smith que, respondendo a outra pergunta da rádio Sagres 730, evitou apontar um favorito para a final de domingo, entre França e Croácia, e ainda elegeu Cristiano Ronaldo como o cara mais legal da Copa do Mundo 2018.














Fonte : http://sagresonline.com.br/

Lista de personagens Russos nos Quadrinhos , Cinemas , Video Games e até música

 
 
 
                                     Foto : Nerdicetotal
 
 
 
Como a Rússia sediou a Copa está ao chegou fim ,hoje Final França x Croácia, não podemos deixar de falar nos personagens russos nos quadrinhos, games e na mídia no geral.  
 
Na maior parte das vezes tratado como antagonistae envolvido em grandes conspirações, o país é terra natal de vários heróis e vilões das revistas. Reunimos aqui os  maiores personagens russos dos quadrinhos! 
 
O que seria dos nossos heróis sem a “ameaça vermelha”, confira:
 
 
 
 
 
 Foto : Amino Apps

 O Ômega Vermelho, cujo nome verdadeiro é Arkady Rossovich, era um psicopata mutante russo utilizado como assassino pelo governo soviético durante a Guerra Fria.

Dono de uma mente perturbada, ele sai do controle do governo soviético e começa a matar indiscriminadamente ao redor da Europa, até ser preso pelo agente da Interpol Sean Cassidy, o futuro Banshee. Após essa prisão, seu governo natal executou algumas melhorias em seu corpo, transformando-o no Ômega Vermelho.

Seu dom mutante original é a capacidade de lançar no ar os seus "esporos da morte", que também pode ser utilizado através do contato prolongado com seu toque. Isso faz com que a vítima comece a definhar, no poder que é conhecido como Fator de Morte.

 
 
 
 
 
2-Red Rocket Brigade
 


 
    
 
Foto : DC Database /Smallville Wiki
 
 
Os Lanternas Verdes Russos! Ou quase isso. Aqui não estamos tratando exatamente de um personagem, mas do grupo Rocket Red Brigade, uma resposta do governo Soviético ao crescimento alarmante de super-heróis americanos. A equipe contou com a ajuda do Lanterna Verde Kilowog, que simpatizava com as ideias Comunistas, na criação de sua tecnologia. Porém, através do primeiro Rocket Red, Josef Denisovich, Kilowog percebeu que a brigada estava tomando um caminho diferente do esperado, o que o levou ao confronto com Josef.
                      
 
Foto : DC Database /Smallville Wiki
 
Ainda assim, o grupo cresceu e se tornou a super-guarda nacional da União Soviética, já tendo se encontrado (por bem ou por mal) com a Liga da Justiça, o Esquadrão Suicida e os Lanternas Verdes. A Rocket Red Brigade é uma criação de Steve Englehart e Jon Staton, aparecendo nos quadrinhos pela primeira vez em 1987.
 
3-Nyssa Raatko

 Foto : Villains Wiki
Nyssa Raatko, a herdeira do demônio, também tem suas raízes na Rússia. Filha de Ra’s al Ghul e meia-irmã Talia al Ghul, Nyssa nasceu no século XVIII e usou o Poço de Lázaro para sobreviver até a era moderna. Sentindo-se traída por seu pai, ela matou o Ra’s na história “Death and the Maidens” e tornou-se líder de uma das divisões da Liga dos Assassinos. Eventualmente, ela foi morta por Cassandra Cain. A personagem faz parte das galeria de vilões do Batman e foi criada por Greg Rucka e Klaus Janson, em 2003.
A personagem é muito conhecida por sua versão na série Arrow.
 
4-Kal-L (Terra-30)
 
 
 Foto : DCverse Wiki
O Superman Russo! Na Terra-30, uma das infinitas versões da Terra no multiverso, Kal-L, que tem uma origem muito similar à do Kal-El, no lugar de cair com sua nave kriptoniana em solo americano, fez seu pouso na Ucrânia Soviética, em tempos de governo Stalin.
Nessa história, o Homem de Aço faz parte do círculo íntimo do governador Soviético e os EUA contratam Lex Luthor para tentar destruir o herói, o que culmina na criação do Bizarro desse universo. Ele é criação de Mark Millar, Dave Johnson e Andrew Robinson, aparecendo pela primeira vez em Junho de 2003.
 
 
5-Piotr (Colossusdos_
 

 
 Foto :  Comic Vine
 
Esse é clássico. Piotr ‘Peter’ Rasputin, o Colossusdos X-Men, é fruto da Mãe Rússia. O herói foi chamado pelo Professor Charles Xavier para se juntar à sua equipe, com a chance de mudar o mundo, por conta de sua mutação que transforma seu corpo em aço orgânico e lhe dá super-força. Piotr é um dos membros mais clássicos e amados dos X-Men, uma criação de Len Wein e Dave Cockrum, aparecendo nas revistas pela primeira vez em 1975.
 
 
6-Illyana 
 
 
Foto : Heroichollywood.com
 
Junto de Piotr, não podemos esquecer da Magianessa lista. Illyana Nikolievna Rasputina é a irmã do Colossus, nascida em uma comunidade rural na região da Sibéria. A história da Magia deve ser uma das mais sofridas dos quadrinhos, com a moça começando sua caminhada da penitência desde pequena, quando foi sequestrada pela Miss Locke.
Depois disso, Illyana foi levada novamente, dessa vez pelo demônio Belasco a aí sim as coisas ficaram feias. A mutação da garota permite que ela crie discos dimensionais, através do Limbo, para se teleportar pelo espaço e tempo. Sua estreia nos quadrinhos foi em 1975, uma criação de Chris Claremont e Dave Cockrum.
 
 
7- Viúva Negra
 
 
Foto : Heroi X 

Uma das principais espiãs da Marvel, Natasha Romanoff, ou Natália Romanova, também é uma das maiores representantes dos segredos que envolvem o estado Soviético nos quadrinhos. Pouco se sabe sobre a vida da moça, afinal, ela não é uma das maiores espiãs à toa.
As passagens mais clássicas e concretas do seu passado são focadas na “Operação Viúva Negra” e na “Sala Vermelha”, onde ela e outras 28 meninas foram treinadas e modificadas pelo governo da URSS na criação de verdadeiras armas-humanas. A Viúva Negra é uma criação de Stan Lee e Don Heck, sendo apresentada em 1964.
 
 
8-Kraven (Sergei Kravinoff)
 
Foto : Marvel Database
Da galeria de vilões do Homem-AranhaSergei Kravinoff, o Kraven veio da aristocracia soviética. Em síntese, o Kraven é um grande caçador, já foi aliado dos Vingadores no passado, e sua grande meta de vida é caçar o Aranha. Ele participou do Sexteto Sinistro, morreu e foi ressuscitado em suas várias histórias. O vilão é uma criação de Stan Lee e Steve Ditko, estreando nos quadrinhos em 1964.
 
9-Dínamo Escarlate
 
 
 Foto : Desciclopédia
Criado como uma versão Soviética do Homem de Ferro, o Dínamo Escarlate ganhou várias armaduras diferentes e usuários com o correr dos anos. O primeiro deles, e criador da armadura, foi Anton Vanko, um grande inventor soviético.
Sua primeira missão como Dínamo Escarlate foi ir para os EUA sabotar as Indústrias Stark e derrotar o Homem de Ferro, porém, depois de algumas reviravoltas, Vanko acabou passando para o lado de Stark. Ele é uma criação de Stan Lee e Don Heck, estreando nas revistas em 1963.
 
 
10-KGBesta
 
 
                                                   Foto : Ei Nerd
 
Um ex-membro do KGB e parte da galeria de vilões do Batman, Anatoli Knyazev, ou KGBesta, é um dos maiores antagonistas do Homem Morcego no quesito habilidades. Por conta de seu treinamento, como um dos melhores assassinos soviéticos, o KGBesta bate de frente em técnicas de combate e inteligência com o Morcego, além de ter um braço amputado onde instalou uma arma. Ele é uma criação de Jim Starlin e Jim Aparo, aparecendo pela primeira vez em 1988.
 
 11-Valentina Vostok
 
 
Foto :  Comicvine
 
Mulher Negativa, substituta do Homem Negativo na Patrulha do DestinoValentina Vostolk era uma tenente da Força Aérea Soviética. Com a intenção de atacar os EUA, ela roubou um avião de combate soviético e sofreu acidente antes de chegar ao seu objetivo final, caindo no mesmo lugar onde a Patrulha do Destino havia morrido. Ela se fundiu com a energia liberada pelo Homem Negativo no local e ganhou seus poderes. Ela é uma criação de Paul Kupperberg e Jim Amparo, estreando em 1977.
Legends of Tomorrow apresentou a personagem em sua primeira temporada.


12-Os Guardiões
 
                                         Foto : Acidamente Sensível
 
Em plena Guerra Fria, uma organização secreta chamada Patriota recrutou um grupo de super-heróis russos com o objetivo de defender o país de ameaças sobrenaturais.









Arsus – O homem-besta. Arsus pode se transformar em um urso e carrega uma metralhadora nas costas. É leal e decidido. Na sua forma animal, é capaz de trucidar o inimigo.
 
 
Ler – O homem-terra. Ler é capaz de controlar as pedras e o chão. Pode fazer rochas a partir do pó, impedir demolições e mover montanhas.
 
 
Xenia – A mulher-água. É flexível, ágil e resistente. Tem a habilidade de desaparecer na água e nela se deslocar a qualquer distância. Não sente a diferença de temperatura e pode ficar em qualquer ambiente sem ar.
 
                                         
 
Khan – O homem-vento. Domina magistralmente todos os tipos de armas brancas e diferentes artes marciais. É capaz de se deslocar a velocidades inacreditáveis.
 
 
 
 
13-Zangief
 
 
 
                                              Foto : SnesTalgia
 
Tendo sua primeira aparição em Street Fighter Series, Zangief é um grande lutador profissional da União Soviética. Contratado por um homem chamado Erai Hito para representar seu país no segundo Torneio Mundial de Lutas(Street Fighter), Zangief começa a treinar em condições extremas na Sibéria, determinado a demonstrar para todo o mundo o poder magnífico da Rússia. Então Zangief sai de seu treinamento como o Ciclone Vermelho.

Desde muito jovem, Zangief já apresentava estrutura corporal robusta e sabia se defender de seus agressores com facilidade, logo se tornando alguém temido e respeitado. Com o passar dos anos, Zangief se tornara um fisiculturista de primeira, se interessando pelas lutas livres, e logo desenvolveu seu estilo próprio de Wrestling, como um misto de luta livre americana com o Sambo russo. Não demorou muito para o presidente contar com Zangief como seu representante nacional nas lutas, fazendo com que o grandão de 2,45 de altura pudesse viajar pelo mundo e disputar diversos torneios representando a "mãe Russia"(como Zangief costuma dizer) e mostrando seu poder. Como Zangief, além de tudo é um patriota nato, reforçou a aliança com o presidente.
 
 14-Victor Riazanov
 
 
Foto : Nerdice Total
  O primeiro personagem russo do jogo, atirador de elite e comandante de uma equipe do exército vermelho Víktor Riazanov aparece na missão Vendetta (“Call of Duty: World at War”). É um soldado honesto e um grande patriota, famoso pelos seus atos heroicos.  No campo de batalha, ele demonstra muita violência em relação aos alemães, dos quais sente um enorme ódio e os chama de ratos e animais nojentos. Esse comportamento de Víktor poderá ser explicado pelas múltiplas perdas de amigos durante a batalha de Stalingrado.
 
 
 
15-  Hyoga de Cisne (Os Cavaleiros do Zodíaco)
 
 
Foto :  Saint seiya saga do olimpo

Cavaleiro de Bronze de Constelação de Cisne. Ele é uma lenda que venceu várias lutas ao lado de Seiya. Consegue manipular o gelo através de seu microcosmo. Ele se mantem calmo e frio mas tem uma alma ardente que as vezes sai para fora de seu peito. Ajudou Kouga a entender a importância de parde Aria no Vale das Lamentações, que foi cercado por um muro de gelo foi enorme na beira do desespero, essa foi origem para Kouga lutar novamente. Na luta contra o Pallas, Hyoga aparece em Pallasbelta com sua nova Armadura de Cisne. E finalmente se juntou a Kouga no Portal do Tempo. Possui o poder de congelar qualquer coisa até mesmo o sangue humano, essa é uma boa técnica chamada: "Diamond Dust".
 Hyoga, também conhecido como o Homem Misterioso, é o Cavaleiro de Bronze da Constelação de Cisne no Século XXI como apresentado em Omega, assim como o era no Século XX.
 
 
 
 
 
 16-Estrela Vermelha
 
 
 
Foto :  Gaucho Negro RLSH
Nome: Leonid Kovar

Nome original: Red Star
Licenciador: DC Comics
País de origem: Estados Unidos da América
Criado por: Bill Draut, Len Wein, Marv Wolfman 
Lista de revistas com participação de Estrela Vermelha



Super-herói da antiga União Soviética. Em sua primeira aparição no Brasil foi chamado de "Cometa". (ALR)
 
 
 
 
17- Red Scorpion
 
 
 
                                                  Foto : Imdb
 
Um soldado das Forças Especiais Soviéticas é enviado em uma missão para se infiltrar em um exército rebelde Africano e assassinar seu líder, mas a máquina de guerra que eles treinaram começa a pensar por si mesmo.
 
 
 
 
 

18- Rasputin

 

Foto :  Snk Wiki

 

Tendo sua primeira aparição em serie vídeo gameWorld Heroes com Arcade eNeo geo em 1992, Rasputin foi um famoso mago na Revolução Russa que apoiou o fim da época dos czares. Tramou a morte da família real russa e era conhecido também pela sua excentricidade e bissexualidade. Seu golpe mais forte é o Axle Spin (Eixo Giratório).
 
 
19-Mother Russia
 
 
 
Foto : Comic Vine
 
 
Katarina Dombrovski é uma ex-integrante da KGB e detentora do Gulag. Enquanto no Gulag, ela se exercitou e treinou todos os dias. Além disso, ela é mencionada para ter comido seu companheiro de cela. Por sugestão de Javier, ela é contratada por O Filho da puta e se torna parte de sua Tóxica Mega Cunts como uma super-vilã mãe russa. A mãe é facilmente o membro mais forte e habilidoso do grupo; Ela é capaz de aliviar sem esforço os golpes da Hit Girl e eliminar facilmente 10 policiais. Como ex-agente da KGB, ela é especialista em armas armadas e desarmado e pode usar virtualmente qualquer coisa como uma arma mortal. A mãe da Rússia é mais bem paga pela gangue (US $ 50.000 por semana mais despesas). Ela apunhala o coronel Stars and Stripes, coloca-se em uma chave de braço, estala o pescoço e depois decapita seu cadáver.
Mais tarde, ela se casou com a Mãe Fucker como ele planeja atacar e estuprar Night Bitch. Quando um polícia chega, ela brutalmente assassina cada um deles e depois foge da cena com os Toxic Mega Cunts.
Na batalha final climática, a Mãe Rússia enfrenta Hit-Girl e prova ser mais do que um jogo para ela, subjugando o adolescente.

Ela coloca Hit-Girl em uma chave de braço e presumivelmente estava prestes a arrebentar o pescoço de Hit-Girl da mesma forma que ela fez para o coronel Stars and Stripes.
 

No entanto, ela encontra seu fim quando Hit-Girl produz uma seringa, que a Mãe Rússia considera conter veneno, mas na verdade é cheia de adrenalina.


Mãe Rússia injeta Hit-Girl com a adrenalina, dando-lhe maior força e velocidade. A Hit-Girl rapidamente dominou a Mãe Rússia e saiu da cabeça.

Ela então rapidamente apunhalou a Mãe Rússia várias vezes com cacos de vidro. Antes de acabar com a Mãe Rússia fora, Hit Girl diz a ela "Eu teria pensado que uma boceta como você poderia lidar com todos aqueles idiotas", em russo (você não vai atirar em mim, super-herói e super-herói ajudar as pessoas).
 
Mãe Rússia é imensamente forte. Ela conseguiu arrancar a porta de um carro das dobradiças e agredir um policial com ela. Tendo sido um antigo membro do Spetsnaz, ela é uma especialista em combate corpo-a-corpo, até o ponto de subjugar Hit-Girl, que é considerada a personagem mais habilidosa do Universo Kick-Ass. Embora capaz e não hesitante em matar, a versão cinematográfica da Mãe Rússia não mostra qualquer demonstração de sadismo absoluto, ao contrário de outros membros do 'Toxic Mega Cunts, ela não mostra interesse em tortura, e parece simplesmente derrubar os inimigos. No entanto, a Mãe Rússia mostra-se quase completamente implacável, oferecendo-se para matar Eisenhower simplesmente por interesse. 
 
 
 
 
 
 
20-Ivan Drago
 
 
 
Foto :  Youtube
 
Nos Estados Unidos, em 1985, a imprensa esportiva começa a dar atenção aos atletas russos, que estão conseguindo bons resultados em diversas categorias (a esposa de Drago é campeã olímpica de natação). Apollo Creed (rival de Rocky Balboa em Rocky, um Lutador e Rocky II), por ser muito nacionalista, sente-se ofendido com a atenção que a imprensa desprendia a Drago, um lutador de boxe amador. Já a assessoria de Drago acredita que ele tem condições de derrotar o campeão mundial de pesos pesados, Rocky Balboa.

Luta contra Apollo "Doutrinador" fica indignado com a atitude dos russos e decide "dar uma lição" em Drago. Aposentado havia cinco anos, e com 39 anos de idade, ele desafia o russo. A luta é marcada como entretenimento, e Apollo sente-se muito confiante. Mas Drago, mesmo sem a "ginga" do boxe, nocauteia Apollo no segundo assalto, e este morre no ringue. "Se morrer, morreu", desdenhou Drago depois da luta. Rocky, então, vai até a União Soviética enfrentá-lo para vingar seu ex-rival, treinador e amigo.
 
 Enquanto Balboa se limita a correr, levantar pedras e puxar carroças, entre outras atividades mais primitivas, o treinamento de Drago é altamente sofisticado, tanto que o boxeador faz uso de aparelhos de alta tecnologia. Ele é considerado um super-homem na União Soviética, sendo que sua força e resistência estão muito acima das de um humano comum. Seu soco ultrapassa a marca dos 2.200 psi (libras por polegada), causando um impacto de mais de, aproximadamente, 430 quilogramas por centímetro quadrado, enquanto um peso pesado comum atinge em média 350 kg.

Mesmo em casa, na luta contra Rocky Balboa ele acaba perdendo o apoio da torcida, que grita pelo adversário americano. Após descarregar uma série de golpes em Rocky, ele se cansa e acaba por ser nocauteado no décimo-quinto e último assalto depois de ter vencido todos os assaltos anteriores.

Ivan Drago tem uma participação cameo em Rocky V, no inicio do filme (final de Rocky IV; sendo derrotado por Rocky) e quando Rocky nocateia Tommy Gunn (Drago aparece nocateando Rocky, apanhando, nervoso e olhando para Rocky).

 
 
 Bonus -T.a.t.u
 
 
 
 
Foto :  Google /Font Meme
 
 
 O grupo t.A.T.u. surgiu em 1999. Foi criado por Ivan Shapovalov, um ex-psicólogo infantil que trabalhava com propaganda e tinha muita vontade de dirigir um videoclipe. Como não é tão fácil conseguir que alguém contrate um desconhecido para fazê-lo, Shapovalov teve a ideia de criar o seu próprio grupo.
 
 O projeto t.A.T.u. foi formada por produtor musical Ivan Shapovalov, produtora musical/cantora/compositora Elena Kiper, e o consultor financeiro /gerente Boris Renski em Moscou, Rússia, em 1999. A ideia original da banda era para ser apenas Lena (escolhida entre 400 meninas), mas depois Yulia foi adicionada à mistura após Kiper ter um sonho sobre se beijando outra mulher e acordar declarando, "Ya soshla s UMA!". Assim surgiu a imagem controversa e primeiro single do t.A.T.u. Foi realizada então uma segunda seleção para o segundo membro do duo t.A.T.u., na qual foi escolhida Yulia. Dizem as duas Ivan não fazia ideia de que as duas já se conheciam do grupo Neposedy e que quando se reencontraram em estúdio, ambas ficaram muito felizes em poder se rever. Yulia Volkova integrou o grupo Neposedy por três anos, e ao atingir os 14 anos de idade foi expulsa por cometer atos como fumar e beber. 
 
 
Com o seu grupo já formado, o agora produtor Shapovalov passou a ter a plena liberdade para explorar a imagem das garotas. Foi criada então a imagem da amizade entre duas garotas, que foi interpretada como garotas lésbicas, mas foi o que as lançou ao estrelato na Rússia. Seu videoclipe para o primeiro single, Ya Soshla S Uma (All the Things She Said, inglês), no qual as duas aparecem trocando carícias e beijos, o que despertou a curiosidade do público. 

As duas venderam mais de um milhão de cópias de seu primeiro CD 200 po Vstrechnoy. Após Ya Soshla S Uma, a dupla lançou ainda mais dois videoclipes polêmicos deste mesmo álbum. Foram estes Nas Ne Dogonyat, no qual elas roubam um caminhão e saem pela estrada do lado errado da pista (aliás, 200 po vstrechnoy, dvesti po vstrchnoy 200 na contramão, juntas para sempre, vem desse clipe) atropelando tudo o que veem pela frente e 30 Minut, no qual Yulia vê Lena com um rapaz e mata os dois, restando a dúvida: era ciúmes do rapaz ou de Lena?
 
Devido ao grande êxito deste álbum na Rússia, Ivan e as garotas decidiram ir mais longe. Decidiram conquistar a Europa e até mesmo talvez os Estados Unidos. Para isso, contrataram um produtor de peso, Trevor Horn, que já trabalhou com Yes e já produziu várias bandas famosas como Simple Minds e Pet Shop Boys

Apesar da barreira linguística (Lena hoje fala inglês fluente, já Yulia tem uma certa dificuldade com a língua, porém a compreende muito bem), o CD foi gravado e foi lançado pelo mundo todo com o nome de 200 km/h in the Wrong Lane (200 km/h na Contramão, com versões em inglês das músicas mais famosas do CD russo e com uma cover de How Soon is Now, dos Smiths

Para não pôr de parte os fãs russos, as t.A.T.u. lançaram duas novas músicas, uma chamada Ne Ver Ne Boisya Ne Prosi e outra chamada Prostye Dvizhenya que foi acompanhada de um videoclipe polêmico como sempre.

 Neste clipe, Yulia se masturba e tem orgasmos na frente da câmera, embora nada de pornográfico seja mostrado. Porém, os políticos russos discutiram muito se esse vídeo deveria ser censurado ou não. Mas como disseram pouco depois as duas intérpretes em entrevista na Polônia, os políticos viram que não havia nada de ofensivo o suficiente para proibir a sua veiculação. O duo obteve sucesso no mercado da Itália, da Espanha e outros países, além de ter alcançado a vigésima posição com dois singles no chart Hot 100 da Billboard, nos Estados Unidos

Em 26 de setembro de 2003, a banda lançou um CD de remixes, intitulado Remixes. Em novembro de 2003, o CD foi lançado na Rússia, com duas novas faixas e vídeos. As novas canções foram "Prostiye Dvizheniya" (que anteriormente foi lançada como single, mas não tinha aparecido em um lançamento comercial antes) e "Ne Ver, Ne Boysya" que foi a música que representou a Rússia no Festival Eurovisão da Canção 2003 na capital da Letônia,Riga, O duo ficou em terceiro lugar com 164 pontos,após uma das votações mais emocionantes do certame,em que disputou do começo ao fim do certamente com a eventual vencedora,a turca Sertab Erener e com a banda belga Urban Trad,que ficou em segundo lugar por apenas 1 ponto de diferença. 

Posteriormente, foi feito o lançamento de um DVD intitulado "Screaming for More" , lançado em novembro de 2003, seguido do lançamento de outro DVD, de nome "Anatomy of t.A.T.u.", o qual mais tarde foi exibido na televisão russa, em 12 de dezembro de 2003. O documentário revela que as meninas não eram lésbicas, e narrou a participação do grupo no Festival Eurovisão da Canção 2003, em maio do mesmo ano. Em dezembro do mesmo ano, as garotas quebram legalmente o contrato com Ivan Shapovalov, alegando que a qualidade da música estava baixa e que Shapovalov só queria criar escândalos e polêmicas. Yulia Volkova declarou que "ele (Ivan Shapovalov) gasta seu tempo pensando em escândalos em vez de planejar o nosso trabalho artístico. Eu tenho certeza que nossos fãs preferem ouvir novas músicas e álbuns novos ao invés de novos escândalos". 

Durante os preparativos para o seu segundo álbum internacional, menos lésbico, a dupla lançou um reality show para procurar os melhores compositores. Mas o rompimento com seu mentor, Ivan Shapovalov, foi o ponto principal a levar as meninas a um momento fora do holofote. Tempos depois, apoiadas por Sting e outros artístas do mercado internacional, retomaram o projeto do segundo álbum e lançaram "Dangerous and Moving", que teve como carro-chefe a música "All about us" – amplamente divulgada na América Latina e Europa e a única do álbum a entrar para as contagens da Billboard, em 2005. 

Após a separação, Yulia mencionou sobre uma ida aos Estados Unidos na primavera de 2004, para gravar o novo álbum com novos produtores. No entanto, logo depois, ela ficou grávida e a gravação do novo álbum foi adiada. 


Em 2005, a dupla lançou seu segundo álbum chamado Lyudi invalidy / Dangerous and Moving. Este é menos pop e mais eletrônico que o primeiro. Seu primeiro single "All About Us" (que está presente na versão em inglês em ambos CDs) fez muito sucesso nesse período. Logo após isso, lançaram mais três singles para o CD em inglês e mais dois para o CD russo. 

A dupla ainda fez muito sucesso na Rússia e no leste europeu, além de ter conseguido um grande legado de fãs no oriente, sobretudo no Japão, Taiwan e Filipinas

Shapovalov liderou o t.A.T.u. para o sucesso ao longo da década de 2000, mas depois foi posto para fora pelas meninas em 2004. Assim, deu início da T.A. Música em 2005. Boris Renski seguiu com a produção musical de t.A.T.u. com a T.A. Music de 2005 a 2009. 

Yulia deu luz a seu segundo bebê em 30 de dezembro de 2007. Em 23 de Outubro de 2008, lançaram seu terceiro álbum de estúdio, intitulado (Happy Smiles) Vesolye Ulybki. No dia 15 de dezembro de 2009, é lançado na Rússia o Waste Management em formato digital com nova capa e com outro nome, versão em inglês do Vesolye Ulybki. Segundo a dupla, as mudanças aconteceram porque elas estavam cansadas da arte da edição russa e digital. Ao mesmo tempo, ocorreu o lançamento do álbum para download na Austrália, Estados Unidos, Japão, França, Alemanha, Reino Unido, Nova Zelândia e México. Em 1 de janeiro de 2010, a versão física do álbum em inglês foi lançada na Rússia e, duas semanas depois, no Brasil, sob o selo da Coqueiro Verde Records. Duas semanas após o lançamento do Waste Management em formato físico no Brasil, foi realizado o lançamento do álbum na Argentina e no Chile e, cinco semanas após, na Colômbia. Nos demais países, como nos Estados Unidos e no Reino Unido, o álbum jamais foi lançado em formato físico.  


Após quase dez anos de carreira, a dupla decidiu se separar oficialmente. A notícia foi dada em fevereiro de 2011. As cantoras afirmaram que iriam se separar após o lançamento mundial do filme "You and I", no qual elas fizeram participação, e após o lançamento do álbum "Waste Management Remixes", o qual teve seu lançamento confirmado para maio de 2011. Lena e Yulia informaram que a partir dali seguiriam em carreira solo. Posteriormente, Lena Katina disse em entrevista que: "As pessoas vão lembrar da gente pelas ótimas músicas, pela liberdade e por não termos medo de nada. Tiveram as imagens provocativas de duas meninas se beijando, mas, a segunda coisa, é a ótima música", finalizou. Quando questionada sobre um possível retorno da dupla, a cantora disse: "Talvez em dez anos". Lena continuou com a T.A. Music e o produtor.

Em 2 de outubro, Cherrytree Records/Universal Russia anunciou que eles lançariam uma edição especial do disco “200 km/h in the Wrong Lane”. A “10th Year Anniversary Gold Edition trará uma nova arte de capa, a música nunca-lançada-antes das sessões de 2002, “A Simple Motion,” um novo remix de “All The Things She Said” do produtor Fernando Garibay, em adição a músicas remasterizadas e estará disponível em 12 de novembro de 2012. Em 24 de outubro, Cherrytree Records lançou a track listing oficial do álbum, nele havia uma nota escrita a mão escrita e assinada por Julia e Lena pessoalmente. Lena se apresentou com Julia pela primeira vez em anos em uma performance no "The Voice" na Romênia em 11 de dezembro, além de concederem uma entrevista exclusiva. Em 3 de dezembro, Lena rompeu com Boris Renski e a T.A.Music e decidiu seguir uma carreira verdadeiramente independente. 

Durante uma recente entrevista, Julia Volkova contou que ela e Lena Katina estão conversando sobre o retorno da dupla. Julia disse que muitos fãs estão esperando por isso, e que Lena está apenas esperando a companheira se submeter a uma cirurgia na garganta. 

Durante o ano, fizeram algumas apresentações juntas, sob o nome t.A.T.u., não confirmando retorno oficial, dando preferência às carreiras solo. Lena Katina lançou Lift Me Up e fez algumas apresentações solo durante o ano, e Julia se limitou apenas às apresentações marcadas com Lena, devido suas limitações com a voz. Lena e Yulia se apresentaram juntas na abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno de 2014,em Sóchi, onde performaram Nas ne dogonyat[, a apresentação do duo não foi transmitida pela televisão russa,que estava sob censura. Ainda em fevereiro, a dupla se apresentou num festival da Love Radio, onde novamente performaram Nas ne dogonyat e, ainda performaram uma música nova denominada "Love In Every Moment", que seria lançada oficialmente nas rádios russas,no dia 23 de fevereiro[4] A nova música originou rumores de um possível quarto álbum seria gravado, se chamaria "Re-Invention" e seria lançado em 2014. 


Inesperadamente em 18 de fevereiro de 2014, Lena Katina publicou um vídeo polêmico cancelando os planos de retorno, acusando a ex-companheira de se impor no projeto artístico e também acusando-a de chantagem. Yulia teria ameaçado boicotar os planos de Lena, pois supostamente, Yulia possui contatos em um dos principais canais de televisão russo. Apesar do cancelamento por parte de Lena, o vídeo para Love In Every Moment/Lyubov V Kazhdom Mgnoveriy acabou sendo gravado por causa de um contrato. Lena postou um vídeo em seu Facebook explicando as razões que levaram ao cancelamento das apresentações. "Vocês ouviram sobre a turnê promocional na Eslováquia e República Tcheca. Hoje todos os eventos foram cancelados, incluindo os shows em Minsk e Moscou". Em represália Yulia fez os shows programados com outra garota ruiva interpretando Lena.O videoclipe de Love In Every Moment/Lyubov V Kazhdom Mgnoveriy foi uma ação promocional do Cornetto e teve participação de Mike Tompkins e Ligalize, Lena e Yulia gravaram suas partes separadamente. O single não foi lançado sob o nome t.A.T.u., mas sob os nomes solo das artistas.


 


Fonte: